Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Acesse nossa página no Facebook

Acesse nossa página no Facebook:





Compromisso de todo Cristão

Compromisso de todo Cristão
Compromisso de todo Cristão

Ano Nacional Mariano

Ano Nacional Mariano
Ano Nacional Mariano

sexta-feira, 4 de junho de 2010

Final do Ano Sacerdotal

No dia 11 de Junho (Festa do Sagrado Coração de Jesus) encerrar-se á o Ano Sacerdotal que significou um tempo em que toda a Igreja se voltou em orações e súplicas por todos os sacerdotes do mundo inteiro. Em nossa Diocese, todas as paróquias se uniram em preces pela vinda de um novo bispo, onde fomos atendidos com o privilégio de termos em nosso meio o nosso Bispo Dom Vicente o qual estendemos nossas orações.Também com alegria, fomos agraciados neste tempo com as ordenações de novos sacertotes em nossa Diocese.
Estamos sempre em constante oração pelo nosso Padre José Roberto que tenha um trabalho fecundo em nossas comunidades e é claro que ele possa também ter a humildade de aprender algo mais com os leigos.
Durante esse ano sacerdotal foi possível a reflexão do verdadeiro encargo que o sacerdote deve desempenhar no seio da comunidade eclesial. Para tal surgiu o Ano Sacerdotal por ocasião  dos 150 anos da morte de São João Maria Vianney - "Tal ano, que pretende contribuir para fomentar o empenho de renovação interior de todos os sacerdotes para um testemunho evangélico mais rigoroso e incisivo" (lembrava-nos o Papa bento XVI na carta de Proclamação do Ano Sacerdotal).
Um sacerdote simples e humilde, mas totalmente dedicado as suas funções de presbíteros no meio do povo, confiado aos seus cuidados. Rico exemplo para que os presbíteros de nossos dias redescobrissem o sentido mais profundo de seus encargos enquanto servos da missão que lhes deram Cristo e a Igreja.
Lembremos irmãos dos tempos primórdios, onde Pedro nosso primeiro Papa esteve preso e os apóstolos em dificuldades "A Igreja fazia ardentemente oração a Deus, em favor dele".(Cf.At.12,1-5).
No entanto, as dificuldades de hoje são outras e não são poucas. Aja visto a polêmica dos casos de pedofilia.Percebe-se ,nitidamente, o alto grau tendencioso de tais acusações contra o celibato, a Igreja e até o Papa numa tentativa desesperada de desmoralizar e desacreditar o discurso da Igreja, que é mensageira de Cristo Senhor. Para tanto temos uma arma na mão que se chama Oração. Rezemos sem cessar pela Igreja de Jesus Cristo, pelo Papa, nossos Bispos e pelo nossos sacerdotes. Estejamos prontos a testemunhar, numa atitude convicta, as razões de nossa fé cristã.
Estaremos oportunamente, dando maiores detalhes da programação de encerramento do Ano Sacerdotal. Aguardem!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário