Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Acesse nossa página no Facebook

Acesse nossa página no Facebook:





Compromisso de todo Cristão

Compromisso de todo Cristão
Compromisso de todo Cristão

Outubro - Mês Missionário

Outubro - Mês Missionário
Outubro - Mês Missionário

quinta-feira, 6 de março de 2014

Quaresma, tempo de nos voltarmos para o Senhor






Ao iniciarmos o período quaresmal, na Quarta-Feira de Cinzas, ouvimos na proclamação da primeira leitura: "Rasgai o coração e não as vestes; e voltai para o Senhor, vosso Deus; Ele é benigno e compassivo, paciente e cheio de misericórdia" (Jl 2,13). Toda a mensagem ou programa da quaresma, está contida nesse convite feito pelo profeta. Na Quaresma, devemos ter uma atitude de escuta, na qual as verdades divinas devem nos falar ao coração. A partir da oração e da reflexão sobre o mistério da Encarnação, a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo, poderemos dar "razão de nossa esperança" (1Pd 3,15). A quaresma quer preparar nosso coração, para que, ao celebrarmos a Páscoa, a celebração seja expressão do que se passa no nosso coração, o qual durante quarenta dias empreende um itinerário de conversão. Uma Feliz Páscoa sempre vai exigir de nós uma Quaresma bem vivida, voltando continuamente o olhar e o coração para o Senhor que nos chama à conversão. Com toda confiança, tenhamos a coragem de corresponder à graça e "rasgar o coração". Deixar que nele entre o Senhor, para revelar-nos a nós mesmos e curar nossas feridas. A conversão pessoal leva-nos inevitavelmente a participar na comunidade da "conversão pastoral". Direcionar as ações da nossa Igreja no sentido de promover a liberdade: "É para a liberdade que Cristo nos libertou" (Gl 5,1). Vamos estender nosso olhar compassivo para os que são vítimas do tráfico humano, que é a comercialização de pessoas em vista de obter dinheiro, prazer e poder. A Campanha da Fraternidade deste ano nos convida a isso. Convida-nos a trabalhar para que este atentado à dignidade humana seja debelado. Uma ação concreta neste sentido é a denúncia através do e-maildisquedenuncia@sedh.gov.br.
Não nos esqueçamos que o empenho pelo direito e a justiça é um modo concreto de viver a caridade. Lembremo-nos: voltar-se para o Senhor é voltar-se para o irmão que sofre.
A todos que empreendem o itinerário quaresmal, deixo minha benção, em nome de Jesus!
Precisamos fazer a experiência do quanto Ele é compassivo, misericordioso e sobretudo, paciente com nossas delongas.

CNBB - *Dom Pedro Carlos Cipolini é bispo de Amaro (SP).

Nenhum comentário:

Postar um comentário