Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Acesse nossa página no Facebook

Acesse nossa página no Facebook:





Compromisso de todo Cristão

Compromisso de todo Cristão
Compromisso de todo Cristão

Ano Nacional Mariano

Ano Nacional Mariano
Ano Nacional Mariano

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Evangelização não pode rimar com Enganação.

O que vemos é o Evangelho sendo usado das maneiras mais espúrias possíveis. Não só pelos chamados evangélicos, mas também por católicos. Há abuso da fé, padres, pastores e outros tentam a qualquer custo "ganhar" o fiel. Objetivos: arrecadação de dinheiro, prestígios político e econômico. Para tanto é preciso saturar com shows de cura, prosperidade e libertação de possessão. Dizem alguns: "é isso que o povo quer". Porém devemos perguntar: "o povo sabe o que quer ou o desejo das pessoas também é manipulado?". Até dizem que na Bíblia está escrito o que você pode ou não querer. Claro as normas mudam de acordo com os interesses particulares ou institucionais. Prazer é pecado, pensar é pecado, olhar é pecado, decidir é pecado, ser feliz é proibido... Muda: seu prazer deve ser fazer o que a "igreja" manda, só pode pensar como nós, só pode olhar para a direção determinada por nós, nós decidimos por você... "Como faço para receber a graça?" Resposta: "paga com dízimo, sacrifício, jejum, novena, trezena, terço, com frequência ao nosso templo, com peregrinação, romaria, devoção... "Mas a graça não é de graça?" Resposta: "Paga e fica quieto senão você vai para o Inferno, vai ficar doente, vai ficar pobre, vai perder a família". Leio e releio o Evangelho de Jesus, mas não vejo nada parecido com que manda esses usurpadores da fé e da devoção. "Mas é isso que o povo quer". É... o povo quer funk ostentação e pornografia, filme de pancadaria, notícia de desgraça... E a evangelização como negócio prospera e lava o "money", afinal não paga imposto. Escreve-se códigos e guarda-se a Bíblia, pois ela só serve para tirar e isolar as citações que podem ser usadas no manual de doutrinação ou enganação. Gente, é preciso reler os Evangelhos e não se deixar manipular por "crentes" e "gerentes" espertalhões. Sejam católicos, protestantes, evangélicos, judeus, muçulmanos, espíritas, budistas, ateístas, gnósticos ou de qualquer outra religião. E quem quer ser enganado? Que Deus tenha misericórdia daqueles que vendem, doam ou trocam a sua humanidade e dignidade. Que me sigam os livres, os cativos que querer a liberdade. Os prisioneiros conformados não me interessam.
Padre Abério Christe 

Nenhum comentário:

Postar um comentário