Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Acesse nossa página no Facebook

Acesse nossa página no Facebook:





Compromisso de todo Cristão

Compromisso de todo Cristão
Compromisso de todo Cristão

Ano Nacional Mariano

Ano Nacional Mariano
Ano Nacional Mariano

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Celebração marca entrega do Planejamento Pastoral 2015

Capa do Planejamento
“quer comais, quer bebais, quer façais qualquer outra coisa, fazei tudo para a glória de Deus” (1 Cor 10,31).

Após o ajuste,  ocorreu no dia 02/12 a entrega de cópia de planejamento a todos os coordenadores de comunidade em celebração presidida pelo padre João na capela da Matriz.
Para realizar, a obra da evangelização, não basta apenas coragem e boa vontade. Precisamos também de organização e planejamento.
É pensando nisso, que já há cinco a nossa Paróquia São José Operário  desejando aprimorar seu Planejamento anual, visa não somente a questão do espaço, mas também  contempla algumas prioridades e desse também algumas pistas de ação para toda a comunidade.
 Um trabalho que ao longo destes últimos anos vem sendo aprimorado a cada ano e coloca a Matriz São José Operário como modelo de disciplina e organização em termos de planejamento. Nunca é demais lembrar o empenho constante do Diácono Dirceu que com maestria e muita força de vontade da andamento no projeto. Importante também lembrar a participação dos coordenadores de comunidades, pastorais e movimentos que ajudam a elaborar o planejamento. O planejamento tem
Diácono Dirceu explicando o plano
o apreço e apoio do Pároco Padre João Batista que também se orienta através deste planejamento.
É preciso tomar consciência de que planejamento não é uma camisa de força. Na verdade, ele é um roteiro de ação. Ele prevê determinados passos; mas deixa em aberto a possibilidade de outros passos e outros caminhos. Ele possibilita que se avance pouco a pouco, até se conseguir o melhor. O planejamento é para ser usado, consultado, anotado, revisto que nem mapa ou roteiro  de um viajante. Deve ter um prazo definido para ser executado. Depois, deve ser avaliado. Estejamos atentos aos destaques na Evangelização, conforme as Novas Diretrizes da CNBB – 2011 a 2015. Um bom processo de planejamento, que ajuda a Igreja a encarnar-se e inculturar o Evangelho em seu meio, exige inserção na própria realidade. Planejar é, antes de tudo, não ignorar os "novos sinais dos tempos", como diz Santo Domingo.
Planejar a evangelização já é evangelizar! Nesse sentido, temos muito a aprender com
Pe. João presidiu a Missa
Jesus Cristo. Em seus muitos ensinamentos, ele nos deixou claro que toda a nossa ação evangelizadora deve ser pensada, organizada e avaliada. Por exemplo: nas parábolas do homem que vai construir uma torre e do rei que vai fazer uma guerra (Lc 14,25-33), Jesus nos diz que nossa ação tem que ser pensada,temos que ponderar sobre o investimento a ser feito, para não acontecer que tenhamos que deixar as coisas pelo caminho, fazê-las pela metade, não sermos fiéis no seu seguimento até o fim.
por Márcio Neves-Comunicação



Nenhum comentário:

Postar um comentário