Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Tania e Vânia (Sec. Paroquial) - Milena (Sec. Capela São Gabriel)

Tania e Vânia (Sec. Paroquial) - Milena (Sec. Capela São Gabriel)
Tania e Vânia (Sec. Paroquial) - Milena (Sec. Capela São Gabriel)

sábado, 12 de maio de 2018

Conselho Comunitário da Ação Evangelizadora – CCAE (Cristo Rei)


Comunidade Cristo Rei
Presença do Padre Daniel anima a comunidade.
Foi o que pode se constatar neste sábado,12 na comunidade Cristo Rei. Dia este, que antecede a Festa da Ascensão do Senhor e também o dia das Mães. Lembramos também com carinho o dia da aparição de Nossa Senhora em Fátima-Portugal.
Podemos dizer que é uma troca de energia positiva. Estar próximo do padre é uma ótima oportunidade de crescimento como Igreja. “Devemos nos esforçar para sermos facilitadores e não se tornar um empecilho dentro da Igreja”.
Uma Igreja que ajuda as pessoas e seus agentes pastorais a encontrar o caminho para o Reino de Deus. O objetivo da comunidade é o Reino de Deus, o ponto de partida é a vida, a mediação são as pessoas, a começar pelas mais simples, e o método é o enxergar, julgar e atuar, avaliando e celebrando como processo complementar.
Avaliar não é descobrir quem é culpado, mas descobrir o rumo, como um avião que sai à noite: não enxerga seu objetivo, mas por horas não se perde no caminho. A Igreja precisa avaliar se estamos em uma direção segura ou estamos nos desviando por alguma razão. Apoiando-se simplesmente na minha convicção pessoal. Não nos esquecendo do principio básico que muito sabiamente diz: “Quem obedece não erra”. Existem ventos e outros elementos pelos quais o avião pode se desviar, mas ele tem de voltar ao rumo inicial.
Papa Francisco insiste na importância dos leigos, no futuro da Igreja, o que é essencial na vida das comunidades. Por isso, a Igreja nos propõe este ano a refletir sobre a missão do Leigo.O tema do Ano do Laicato que vai até a Festa de Cristo Rei, 25 de novembro de 2018, é “Cristãos Leigos e Leigas, sujeitos na Igreja em saída, a serviço do Reino”. A inspiração bíblica é motivada pelo evangelista Mateus, extraída de 5, 13-14: “Sal da Terra e luz do mundo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário