Instituição Religiosa-Igreja Católica-Paróquia São José Operário Tel.4582-5091- Retiro Jundiaí

Minha foto
Jundiaí, São Paulo, Brazil
Instrumento a serviço da Paróquia São José Operário.(Bairro Retiro-Jundiaí) R.Maestro Paulo Mário de Souza,284-Retiro Cep.13211-160- Fone/Fax:(11)4582-5091-e-mail:psjoperario@ig.com.br-Horário de atendimento da secretária:Seg.a Sexta das 08:00 as 12:00 e das 13:00 as 17:00- No Sábado das 08:00 as 12:00.

Região Pastoral V

Região Pastoral V
Região Pastoral V - ACESSE NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK (LINK ABAIXO):

Compromisso de todo Cristão

Compromisso de todo Cristão
PASTORAL DA COMUNICAÇÃO - SJO

Pastoral da Comunicação-Pascom

Pastoral da Comunicação-Pascom
LEIA NOSSO JORNAL DIOCESANO - https://dj.org.br/o-verbo/ - e-mail:verbo@dj.org.br

Pastoral da Comunicação-Pascom

Pastoral da Comunicação-Pascom
Pastoral da Comunicação-Pascom

quarta-feira, 12 de junho de 2019

Igreja: Papa Francisco assinala hoje o Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil

Menino produzindo tijolos no Malaui. (crédito AFP)

O papa Francisco assinalou hoje o Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil, numa mensagem divulgada através da rede social Twitter.
“Como adultos não podemos roubar às crianças a capacidade de sonhar. Procuremos favorecer um contexto de esperança, onde os seus sonhos cresçam e se partilhem: um sonho partilhado abre o caminho para um novo modo de viver”, escreveu o pontífice na sua conta ‘@Pontifex_pt’, texto acompanhado pelo marcador #NOChildLabourDay.
Este tem sido um tema presente nas intervenções do papa desde a sua eleição, alertando, por exemplo, para “a exploração das crianças no trabalho doméstico”.
“Todas as crianças devem poder brincar, estudar, rezar e crescer, em suas famílias, num contexto harmônico, de amor e serenidade. É um direito delas e um dever nosso”, disse, a 12 de junho de 2013.
No ano seguinte, com o livreto vermelho da Organização Internacional do Trabalho (OIT) na mão, Francisco recordou que “dezenas de milhões de crianças são obrigadas a trabalhar em condições degradantes, expostas a formas de escravidão e de exploração, bem como a abusos, maus-tratos e discriminações”.
O Dia Mundial contra o Trabalho Infantil (12 de junho) foi instituído pela OIT em 2002, quando apresentou o primeiro relatório global sobre o trabalho infantil na Conferência Anual do Trabalho.
Este ano, a OIT escolheu como lema ‘As crianças não devem trabalhar nos campos, mas em sonhos’; segundo a organização, 218 milhões de menores entre os 5 e os 17 anos trabalham, dos quais 152 milhões são vítimas de trabalho infantil.
Fonte:Ecclesia

Nenhum comentário:

Postar um comentário